A HUMILHAÇÃO DE JESUS

setembro 17, 2013 // Artigos, Pastorais

“A Si mesmo Se humilhou, 
tornando-Se obediente até à morte e morte de Cruz.” 
Filipenses 2:8.4

A encarnação do Filho de Deus é um dos maiores mistérios da história. Há um só Deus que subsiste em três pessoas distintas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo. Esses três são da mesma substância, de tal maneira que o Filho é coigual, coeterno e consubstancial com o Pai e com o Espírito Santo. Porém, para realizar a nossa redenção, o Deus Filho fez-Se carne, esvaziou-Se da Sua glória, e na plenitude dos tempos, nasceu de mulher, sob a Lei, para ser nosso fiador e substituto. Sendo Deus Se fez homem; sendo rico Se fez pobre; sendo Senhor Se fez Servo.

O Pai da Eternidade entrou no tempo e Se vestiu pele humana. Humilhou-Se até a morte, e morte de Cruz. Mesmo diante das mais severas aflições, jamais retrocedeu em Seu propósito de nos salvar. Mesmo sendo perseguido, cuspido e esbordoado pela fúria dos pecadores, amou-os até o fim. Mesmo sendo pregado na Cruz, rogou ao Pai para perdoar Seus algozes. Mesmo sendo cravejado pelas setas da morte, matou a morte com Sua morte e triunfou sobre ela em Sua gloriosa ressurreição. Em Sua humilhação extrema, abriu-nos o caminho do Paraíso.

Oremos
Senhor Jesus, para me salvar o Senhor Se humilhou até a morte, e morte de Cruz. O Senhor Se esvaziou, assumindo forma de Servo,e entregou a Sua vida por mim, pobre pecador. Eu me arrependo, me entrego a Ti, e Te exalto! Tu És o meu Senhor e Salvador. Em Teu nome eu oro e agradeço, amém.

Cada Dia.

Comentários

  1. otávio says: 17 de outubro de 2013

    Que Jesus abençoe a todos os que lerem com fé… Amém.

    • revpaulosergio says: 17 de outubro de 2013

      Obrigado pela visita e comentário, Otávio! Que Deus te abençoe, volte sempre!

Deixe um comentário